Papo de macho

7 02 2009

– Fala!
– Coé.
– Tranqüilo?
– Nem… Tô meio pra baixo.
– Qual foi?
– Sei lá. To meio deprimido. Meio triste com as coisas, sabe?
– Coé! Isso tá parecendo coisa de viado. Só falta dizer tá chorando sem motivo, também.
– Pois é. Tô mal assim.
– Virou viado, por acaso?
– Não! Não tem nada a ver! Só tenho andado meio perdido, meio sem saber oq eu fazer da minha vida. Tava precisando me encontrar.
– Caralho! “Tô precisando me encontrar” é total coisa de viado! Daqui a pouco você vai chegar e me dizer que nem acha mulher tão interessante assim e que você se sente muito melhor entre seus amigos do que pegando mulher por aí.
– Mas eu me sinto melhor com meus amigos do que pegando mulher por aí!
– Tô falando!
– Mas não tem nada a ver. Eu gosto de mulher. É mais uma questão comigo mesmo… Tenho me sentido estranho, um forasteiro no meu próprio corpo.
– “Estranho no próprio corpo”? Isso é coisa de travesti! Vai cortar fora seu bagulho e botar uns peitos de silicone, agora?
– Não! Caralho tu é foda, hein! Tô aqui na merda precisando me abrir com alguém e tu fica me sacaneando!
– Cara, tudo bem. Não tenho nada contra viado, só não quero que você se abra pra mim na sua primeira relação homossexual…
– Putaquepariu!
– Não! Tô brincando! Vai, pode falar.
– Cara, tá foda… To pensando em ir pra uma terapia.
– Terapia?
– É! Sabe como é: chegar lá, fazer um esforço e botar pra fora tudo o que tem de ruim dentro de mim mesmo, expelir tudo o que tá me fazendo mal.
– Cara, o que tu vai fazer na terapia? “Fazer um esforço e tirar de dentro tudo o que me faz mal”; parece que você vai dar um cagadão depois de comer um sarapatel estragado!
– Porra, mermão, tu tá foda hoje! Deixa pra lá essa merda!
– Não, pode falar. Tava brincando!
– Não deixa pra lá. Vamos continuar bebendo e falando de outra coisa.
– Tem certeza?
– Tenho. Foda-se.
– Beleza, então.
– Então diz aí: como vai aquele seu timinho de merda? Vai cair pra segundona com certeza!
– Coé, cara… Fala assim, não. Fico todo mal com essas paradas. Nem brinca com essas coisas. Pô! Tem coisa que é sagrada e não se zoa. Tu é foda! Vou embora daqui.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: